O artigo em pauta no 3 de junho de 2014 dia discorria sobre o escoamento da produção de soja proveniente do Estado do Mato Grosso, mais especificamente, sobre os custos logísticos envolvidos, e como eles interferem na tomada de decisões.

Durante a discussão os membros puderam realizar uma comparação entre 3 possíveis fluxos de escoamento. O primeiro deles apresentava uma solução intermodal, que utilizava dos módulos hidroviário, ferroviário e rodoviário, o segundo, também intermodal, passava pelos modais ferroviário e rodoviário, enquanto o terceiro fluxo realizava todo o transporte via modal rodoviário. Para que o cenário mais adequado fosse apontado, foram levantados os custos de armazenagem, de frete, de estoque em trânsito, de transbordo, de combustível, tributários e de perdas e danos de cada um dos possíveis fluxos.

Ao fim, para concluir a discussão, todos os membros elaboraram possíveis soluções para a problemática brasileira frente ao escoamento da sua produção de commodities, com enfoque na infraestrutura.

KUSSANO, Marilin Ribeiro; BATALHA, Mário Otávio. Agribusiness logistics costs: evaluation of MatoGrosso state’s soybean export. Gestão & Produção, v. 19, n. 3, p. 619-632, 2012.

bruno malvezi 2

Bruno Malvezzi

Membro do GELOG

Engenharia de Produção Mecânica